Xiaomi vai utilizar tecnologia blockchain na produção de personagens digitais

A gigante chinesa de telecomunicações, Xiaomi, quer utilizar a tecnologia blockchain para facilitar a produção de personagens digitais originais. Um registro de patente foi apresentado em janeiro de 2022, mas foi divulgado recentemente pela empresa na China, de acordo com o aplicativo chinês Tianyancha. 

A procura da Xiaomi tem um motivo simples: o caráter descentralizado e imutável da blockchain, permitindo assim que a patente “possa gerar caracteres virtuais com imagens diferentes de acordo com diferentes sequências de genes”.  

De acordo com o documento, os personagens empregariam essa tecnologia blockchain para manter suas sequências genéticas. Embora a patente não faça referência explícita a tokens não-fungíveis ( NFTs ), sua descrição do uso de blockchain sugere o uso de NFTs ou tecnologia similar.

Leia também: Dubai visa criar cerca de 40 mil empregos com Metaverso
Leia também: Maior cidade da China vai investir quase R$ 300 bilhões para desenvolver “indústria do Metaverso”

Aproxime-se da sua liberdade financeira, clique no botão abaixo: