Santander aumenta uso de Ripple e soluções blockchain

Por: Allef Henrique
Publicado em 21/11/2019

Banco Santander mais próxima das criptomoedas e suas tecnologias

O Banco Santander, um dos maiores bancos do Brasil e do mundo, afirmou em uma entrevista recente que vão ampliar o uso de soluções baseadas em blockchain, a tecnologia por trás do bitcoin, além da parceria com a Ripple, empresa por trás da moeda XRP, no sistema de remessas internacionais baseados na rede blockchain da Ripple.

A afirmação foi feita pelo Diretor do Santander, John Whelan, durante palestra na IIEA onde destacou que o banco usa tecnologia da Ripple para as remessas em no mínimo quatro países, Brasil, México, Reino Unido e Espanha, mas o plano verdadeiro de expansão é de utilizar a tecnologia em todos os países em que o banco já atua.

“É uma ótima experiência do usuário. Eu mesmo uso. Enviei dinheiro para os Estados Unidos. Está disponível no mesmo dia. Fantástico, e com uma taxa garantida” declarou Whelan.

Whelan não ofereceu mais detalhes sobre a expansão do Banco Santander ou se o banco pretende substituir o Swift pelo One Pay FX, a solução de remessas baseadas na plataforma Ripple, apenas destacou a ampliação do uso da Ripple dentro do banco.

Recentemente o Banco Santander anunciou medidas para adotar a digitalização na economia, como o lançamento de um cartão por aproximação e também a compra de uma fintech focada em pagamentos.

O Santander já esteve aqui no Brais News há alguns meses onde publicamos que o banco anunciou um título de R$ 80 milhões lançado na blockchain da Ethereum, criptomoeda na qual o banco faz parte do projeto.