Refugiados ucranianos receberão ajuda através de doações em criptomoedas

Os ucranianos que estão refugiados por conta do conflito com a Rússia vão receber ajuda jurídica e social através de doações de stablecoins, as criptomoedas lastreadas em dinheiros fiduciários. A informação foi confirmada pelo Alto Comissariado das Nações Unidas para Refugiados (ACNUR).

O ACNUR aceitou US$ 2,5 milhões (equivalente a quase R$ 12 milhões) em doações de stablecoin Binance USD (BUSD), da Binance Charity, que seriam utilizadas para reabilitar e apoiar refugiados que fogem para países vizinhos da Ucrânia.

Leia também: Volume de transações de stablecoins dispara durante conflito no Leste Europeu
Leia também: Parlamento da Ucrânia aprova projeto de lei que concede status legal ao bitcoin e outras criptomoedas

As doações em criptomoedas para a Ucrânia superaram U$ 100 milhões (mais de 465 milhões) desde que a Rússia decidiu invadir o território do país europeu. Entre as criptos que foram utilizadas para doação, destacam-se o bitcoin (BTC), ether (ETH) e Tether (USDT).

Um relatório dos Estados Unidos para a ACNUR apontou que mais de 10 milhões de ucranianos deixaram o país por conta da guerra com os russos e estão refugiados em várias nações espalhadas pela Europa.  

Fotos: 

Aproxime-se da sua liberdade financeira, clique no botão abaixo: