Primeiro banco nativo de criptografia nos EUA é criado.

Por: Daniela Abrantes

Publicado em 02/03/2020

O primeiro de muitos!

Uma ex-executiva da Wall Street, Caitlin Long, está aproveitando o crescimento do estado de Wyoming (EUA) para estabelecer o primeiro banco nativo de criptografia nos Estados Unidos.

O nome dado para o banco vem do italiano “encaminhar”, Avanti e em seu twitter Long afirma:

“Falta uma parte crítica da infraestrutura do mercado americano – um banco regulamentado que pode atuar como uma ponte para o Federal Reserve para pagamentos e [oferecer] custódia por GRANDE dinheiro institucional […] Não há um banco nos EUA que possa custodiar criptografia no momento – então isso significa que os custodiantes de empresas de confiança são a única alternativa no momento. Mas as empresas de confiança não podem oferecer os benefícios de redução de risco do acesso direto ao Fed.”

Apesar da iniciativa ser nova, o regulamento é estrito e rigoroso, determinando principalmente que todos os depósitos criptográficos devem ser 100% reservados e não poderá ser feito depósitos para nenhuma operação financeira própria, evitando práticas ilegais.

Long acredita que a Avanti possa ter inicio em 2021, gerando uma quantidade significativa de nova liquidez no mercado.