Plataforma de doações pretende adotar blockchain

Por: Daniela Abrantes

Publicado em 06/01/2020

Segurança e transparência são essenciais

A plataforma online eSolidar atua em diversos países, incluindo no Brasil. E tem como principal objetivo doações e incentivos nesses locais, de acordo com uma reportagem do jornal Estado de São Paulo, a empresa afirmou que pretendem implantar o sistema de blockchain para conseguir transparência e segurança nas suas iniciativas.

“A tecnologia pode trazer transparência e segurança para o processo de doação. As pessoas precisam confiar que o dinheiro de fato vá chegar ao destino”, destaca Amure Pinho, presidente da Associação Brasileira de Startups (ABStartups)

A empresa conta com 45 instituições parceiras no Brasil, pretendendo alcançar a margem de 100 mil usuários cadastrados em sua plataforma.

Blockchain está mais perto do que longe!

Em 2019 foi noticiado que algumas ações sociais já estão utilizando a tecnologia blockchain, é o caso da Cruz Vermelha com a substituição de dinheiro e cupons para o desenvolvimento de moedas locais desenvolvidas com blockchain.

E também o auxilio testado no Quênia e Etiópia, permitindo que comércios de comunidades carentes obtenham créditos com o trabalho e troquem numa transação em uma blockchain.