Interesse pelos NFTs cresce no Brasil e chega a patamares próximos do bitcoin

Os NFTs (tokens não fungíveis) vem ganhando cada vez mais popularidade no Brasil. Isso é o que aponta a principal ferramenta de pesquisas do Google, o Google Trends.

De acordo com dados fornecidos pela ferramenta, a palavra NFT está alcançando patamares de pesquisa próximos ao do bitcoin, principal criptomoeda do mercado.

Os tokens não fungíveis já são mais pesquisados que a Ethereum, por exemplo, segunda maior cripto do mercado. Os estados brasileiros que mais procuram pela palavra NFT são Amazonas, Rondônia, São Paulo, Rio de Janeiro, Santa Catarina e Rio Grande do Sul.

 

“Na prática, podemos dizer que um token não fungível é uma tecnologia que busca criar algo único no mundo digital. Se você possui um NFT, então você possui um certificado de propriedade digital que todos podem ver e confirmar que aquele produto é seu, portanto não pode ser copiado ou alterado.”

 

Os principais temas relacionados aos tokens não fungíveis são os games, que ganham cada vez mais popularidade, muito por conta do modelo de jogo play-to-earn.

Outro ponto que também tem ajudado a popularizar os NFTs são as recentes compras de obras de arte com essa tecnologia, feitas por personagens famosos, como o atacante brasileiro do PSG, Neymar.

As pessoas também têm procurado saber mais qual a relação entre NFT e o mercado de criptomoedas, que há anos tem chamado atenção da população brasileira.

Uma reportagem publicada no site Trustnods, aponta que o interesse pelo NFT também é uma tendência mundial. Japão, Coreia do Sul, Hong Kong, Indonésia e Tailândia são os países mais interessados ​​no novo fenômeno de tokens não fungíveis (NFTs) .

Aproxime-se da sua liberdade financeira, clique no botão abaixo: