Entradas em fundos de criptomoedas atingem maior volume no ano e movimentam quase R$ 1 bilhão

Um relatório da CoinShares apontou que a entrada de investimentos em fundos de criptomoedas atingiu seu maior volume em 2022. Os fundos europeus foram os grandes propulsores desse movimento. No dia 25 de março, as entradas em fundos de criptomoedas movimentaram U$ 193 milhões, o equivalente a mais de R$ 900 milhões.

O ponto de partida para essa reversão no mercado financeiro foi a alta do bitcoin, na semana passada, quando a criptomoeda chegou a valorizar mais de 14%. De lá pra cá, a principal criptomoeda do mercado segue rompendo zonas de resistência e busca chegar a casa dos U$ 50 mil.

Leia também “Valor real” do dólar americano despenca 86% e mercado de criptomoedas ganha cada vez mais força

Quem obteve destaque foram os fundos em Solana, que tiveram a melhor semana de entrada de recursos da história, na casa dos US$ 87 milhões (cerca de R$ 412 milhões).

Ao mesmo tempo, cerca de US$ 97,8 milhões (aproxidamente R$ 460 milhões) fluíram para fundos focados em bitcoin e US$ 10,2 milhões (R$ 48,3 milhões) para fundos focados em ether (ETH).

O relatório da CoinShares ainda aponta que os fundos com foco em ações relacionadas a blockchain permaneceram populares, acumulando US$ 23 milhões (R$ 109 milhões) em entradas na semana passada.

Fotos: 

Aproxime-se da sua liberdade financeira, clique no botão abaixo: