Eleitores podem votar com blockchain

Por: Daniela Abrantes
Publicado em 20/02/2020

Índia se destaca nessa implantação

A Índia está em fase de testes para implantar as eleições feitas com um sistema baseado em blockchain, permitindo que as pessoas que estão fora de sua cidade natal possa votar em qualquer lugar do mundo.

A solução foi criada visando acabar com o problema de votos perdidos. Nas eleições de 2019, 300 milhões de eleitores não votaram porque estavam envolvidos com política ou estavam longe da sua zona de votação.

Com isso o Instituto de Tecnologia já começou a desenvolver o sistema que permite votar remotamente com a blockchain, podendo ser implantado até 2021 quando terminar o mandato de Sunil Arora.

Outros países também já têm ideias para utilizar a blockchain nesse cenário, visto que a última eleição federal dos Estados Unidos online resultou em alegações de vulnerabilidade de segurança.

Caso implantem a blockchain, as eleições podem ser a prova de fraude.