Dubai visa criar cerca de 40 mil empregos com Metaverso

A famosa cidade de Dubai, nos Emirados Árabes, está mirando forte na adoção de tecnologias para o Metaverso, a exemplo da blockchain. A ideia é se tornar um dos dez polos mundiais do setor nos próximos anos.

O plano da cidade foi divulgado nesta semana através do documento “Dubai Metaverse Strategy”. No documento, o governo revelou a intenção de atrair pelo menos mil empresas que trabalhem com metaverso e/ou blockchain, gerando cerca de 40 empregos diretos e indiretos.

Outra expectativa apontada no documento é que a economia dos Emirados Árabes Unidos seja bastante impactada pelas novas tecnologias, fazendo com que o país desenvolva soluções inovadoras, impactando positivamente a vida das pessoas e transformando a cidade de Dubai em um dos centros mais inteligentes do mundo.

Leia também: Maior cidade da China vai investir quase R$ 300 bilhões para desenvolver “indústria do Metaverso”

Um detalhe muito relevante é que o país do Oriente Médio já possui muitas atividades relacionadas às novas tecnologias, sendo responsável pela criação de aproximadamente 6,7 mil empregos nas áreas de Realidade Aumentada (VR) e Realidade Artificial (AR), movimentando cerca de U$ 500 milhões (mais de R$ 2,6 bilhões) na economia nacional.

Um estudo recente do banco Citi, divulgado em abril, apontou que a indústria em torno do metaverso deve alcançar um valor de mercado entre US$ 8 trilhões (mais de R$ 40 trilhões) e US$ 13 trilhões (quase R$ 70 trilhões) até 2030.  

Aproxime-se da sua liberdade financeira, clique no botão abaixo: