Clube inglês contrata jogador após votação de detentores de NFT

O pequenino Crawley Town, que disputa da League Two (4ª divisão) na Inglaterra chamou bastante atenção no mercado de transferências. Os proprietários do clube resolveram contratar um meio-campista baseado em uma votação dos torcedores e detentores de NFT do clube.

Aproximadamente 1.000 torcedores, sendo 50% detentores de NFT do Crawley e 50% torcedores que já haviam comprado ingressos para toda a temporada, votaram em qual posição gostariam que o clube se reforçasse (no gol, na zaga, no meio-campo ou no ataque).

A maioria dos participantes pediu um meio-campista como principal reforço. Os proprietários do time inglês, que possuem uma forte ligação com o mercado de criptoativos, atenderam o pedido dos torcedores e contrataram Jayden Davis.

Leia também: Ucrânia vai usar NFTs para restaurar monumentos culturais no mundo real
Leia também: Xiaomi vai utilizar tecnologia blockchain na produção de personagens digitais 


Além dele, ainda foram contratados o zagueiro Ben Wells e o atacante Moe Shubbar. De acordo com os proprietários do clube, a ideia é levar transparência para as tomadas de decisão no clube, aumentando a participação dos torcedores nesse processo.

Ainda de acordo com os donos do time inglês, especialmente os torcedores que possuem NFTs, devem ser incluídos em processos de decisão do clube, sejam eles administrativos ou que estejam relacionados ao campo.

Já pensou se essa iniciativa chega ao Brasil?

Aproxime-se da sua liberdade financeira, clique no botão abaixo: