Cerca de R$ 158 bilhões já foram injetados no mercado cripto em 2022

O mercado de criptomoedas segue sendo bastante aquecido por empresas ou pessoas, que não necessariamente, atuam diretamente no setor, mas acreditam no potencial inovador dessas novas tecnologias. Os chamados venture capitalists (capitalistas de risco) já  injetaram pelo menos R$ 158 bilhões (U$ 29 bilhões) no mercado cripto, só em 2022. Os dados estão em um relatório da Cointelegraph e da Keychain Ventures.

De acordo com o relatório, os números são bem próximos aos do ano passado, quando as venture capitalists injetaram cerca de R$ 170 bilhões (U$ 31 bilhões) no mercado de criptoativos. Vale ressaltar que o ano de 2021 foi bastante importante para o crescimento e consolidação dos criptoativos.

Leia também: Dubai visa criar cerca de 40 mil empregos com Metaverso

Um detalhe bem curioso do relatório é que a nova rodada de financiamentos no mercado cripto foram direcionados para áreas bem específicas como as empresas ligadas a Finanças Descentralizadas, as famosas DeFi, representando cerca de 16% de todo o montante investido, empresas ligadas as NFTs (tokens não-fungíveis), com 14% e empresas ligadas a infraestrutura do setor, que recebeu 13% do total investido até aqui.

O cenário é importante para avaliarmos a credibilidade do setor de criptoativos, uma vez que o mercado vem sofrendo estresses por conta do cenário macroeconômico, mas mesmo assim segue recebendo rodadas relevantes de financiamento. São esses valores captados que devem garantir ainda mais o desenvolvimento desse ecossistema nos próximos anos. 

Aproxime-se da sua liberdade financeira, clique no botão abaixo: